TVI defende-se da acusação de “retrocesso civilizacional” por não mostrar beijo gay nos Morangos

Julho 29th, 2010 Colocado em Morangos

TVI

“Fortemente irónico” é como a TVI classifica o facto de ter sido acusada de “retrocesso civilizacional” por dez organizações de defesa da comunidade LGBT por cortar uma cena de um beijo de um casal de namorados do mesmo sexo na série Morangos com Açúcar. “Não podemos deixar de considerar fortemente irónico que sejam exactamente a TVI e a Plural que tanto têm feito, por vezes sozinhas, pela abordagem sensata e aberta de temas mais incómodos para a sociedade portuguesa, a serem considerados responsáveis de “retrocesso civilizacional”, o que refutamos liminarmente”, afirma fonte oficial da estação quando contactada pelo M&P. Mais, frisa, “a TVI e a Plural não abdicam do seu direito, nem fogem da sua responsabilidade, de serem o último decisor em relação ao conteúdo das suas emissões no pleno exercício da sua liberdade artística e editorial”.

A estação reagia assim à carta aberta hoje enviada por um conjunto de associações de defesa da comunidade LGBT que contestava o corte da cena na série juvenil, considerando que não existe “justificação para a não emissão de qualquer conteúdo que expresse a diversidade de afectos e relacionamentos que existem na sociedade, tendo em conta os critérios avaliados para o horário e público a que se destina a série”. Além disso, argumentavam que a “visibilidade positiva e a informação correcta sobre orientação sexual e identidade de género são aspectos cruciais na desmistificação destes assuntos, na educação de mentalidades e no desenvolver de uma personalidade e capacidades sãs entre jovens com uma orientação sexual minoritária”, classificando o cancelamento da cena de “um sinal triste de retrocesso civilizacional”.

Fonte: Meios e Publicidade


Deixa um comentário