MCA: Jorge arma um escândalo na escola

Dezembro 1st, 2008 Colocado em Morangos

Jorge dirige-se à escola D. Sebastião para encontrar Raul. Furioso, começa a gritar pelo nome do filho e quando por fim o encontra, tenta obrigá-lo a ir consigo à força. Raul calmamente diz-lhe que não vai. Todos os alunos e professores assistem à situação boquiabertos. Zeca intervém, mas é Manuel quem acaba por acalmar os ânimos e pedir a alunos e professores para se encaminharem para as salas de aulas.

Manuel fica a sós com Jorge e Raul, tentando perceber quais as razões que levaram Jorge a não concordar que o filho estude. Jorge avisa Manuel que o vai processar por ter deixado Raul frequentar a escola sem a sua autorização. Quando Jorge tenta mais uma vez bater em Raul, Manuel ameaça ligar para a polícia. Jorge concorda que o melhor é ir-se embora. Todos os alunos ficam preocupados com o futuro de Raul e comentam a cena entre pai e filho.

A sós com Raul, Manuel explica-lhe que falsificar as assinaturas de um encarregado de educação é crime, e que como director da escola não pode ficar indiferente a tudo o que se passou. Os professores pretendem apoiar Raul em tudo o que for necessário e mostram o orgulho que têm pela sua coragem ao enfrentar o próprio pai.


1 Comentário em “MCA: Jorge arma um escândalo na escola”

  1. luisa Says:

    olha vai a mer..a do estupido



Deixa um comentário