Sara Salgado: “No início tive algum medo”

Setembro 9th, 2010 Colocado em Morangos

Sara Salgado

Sara Salgado, modelo e actriz, tem 20 anos e saltou do anonimato para a ribalta em 2005, quando venceu o concurso Cabelos Pantene. Brilhou nas séries Morangos com Açúcar e, posteriormente, Equador. O registo era diferente mas o sucesso foi o mesmo.

– Esteve seis meses fora de Portugal. Já regressou em definitivo?

– Estive a estudar no Rio de Janeiro, na Casa das Artes das Laranjeiras. Regressei há um mês e agora vão ver-me sempre por cá.

– Como correu a experiência?

– Adorei. No início fiquei chocada com a pobreza, mas há muita beleza natural e as pessoas são muito simpáticas. Fiz muitos amigos e ainda viajei… Em termos de estudos, fiz três cursos de teatro muito bons. O balanço foi muito positivo.

– Esteve sozinha no Rio?

– Não. Fui com a actriz Joana Santos, que é minha amiga, o que facilitou bastante. Morávamos numa zona calma, Ipanema, e correu tudo muito bem.

– Alguma vez temeu pela sua segurança?

– No início sim, tive algum medo. Há sítios muito maus, como a zona Norte, que é muito perigosa, mas eu tive muita sorte e não houve qualquer problema.

– Agora que está de regresso, tem novos projectos?

– Por enquanto ainda estou à espera de respostas. Mas vou regressar. Gostava muito de fazer cinema.

– E teatro, não?

– Também e, agora que tirei o curso no Brasil, já me sinto muito mais preparada.

– Entretanto, teve oportunidade de passar uns dias de férias…

– É verdade. Estava mau tempo no Rio de Janeiro, por isso, vim para cá aproveitar. Estive na minha casa de Cabanas de Tavira. Andei de mota de água e de barco, ou seja, aproveitei para descansar.

– Tinha saudades de Portugal?

– Tinha muitas saudades de Portugal, sobretudo da família, dos amigos, da comida… A minha mãe chegou a ir visitar-me!

Fonte: Correio da Manhã


2 Comentários em “Sara Salgado: “No início tive algum medo””

  1. susana Says:

    eu adoro os morangos com açucar



  2. manuel Says:

    olha a rapariga que se chama susana e como somos primos ela imitou-me claro



Deixa um comentário